Políticas Editoriais

Foco e Escopo

A Revista Direito do Unisal, em parcerias com outras Instituições de Ensino e de Pesquisa brasileiras e estrangeiras, constituir-se-á como um veículo de estímulo à produção científica, abrindo espaço para o diálogo sobre temas vinculados à seguintes Área de Concentração “Concretização dos Direitos Sociais, Difusos e Coletivos” e Linhas de pesquisa:

I- Direitos Sociais, Econômicos e Culturais; e

II- Direitos de Titularidade Difusa e Coletiva.

Revista Eletrônica do Curso de Mestrado em Direito do Unisal destina-se à publicação de trabalhos que, pelo seu conteúdo, possam contribuir para a formação e o desenvolvimento científico, além da atualização do conhecimento na área de especificada.

 

 

Políticas de Seção

PUBLICAÇÕES

Política padrão de seção

Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares

EDITORIAL

Editores
  • Pablo Serrano
Verificado Submissões abertas Verificado Indexado Verificado Avaliado pelos pares
 

Processo de Avaliação pelos Pares

Normas para publicação na Revista Direito & Paz

 

A Revista DIREITO & PAZ é um periódico apoiado institucionalmente pelo Programa de Pesquisa e Pós-Graduação do Centro Universitário Salesiano de São Paulo – e está aberta à comunidade acadêmica e destina-se à publicação de trabalhos que, pelo seu conteúdo, possam contribuir para a formação e o desenvolvimento científico, além da atualização do conhecimento na área específica do Direito. 

 

As publicações deverão conter trabalhos da seguinte natureza: 

1 Artigos originais, de revisão ou de atualização, que envolvam abordagens teóricas e/ou práticas.  

2 Traduções de textos não disponíveis em língua portuguesa, que constituam fundamentos da área específica da Revista e que contribuam para a reflexão acadêmica. 

3 Resenhas de produções relevantes que possam manter a comunidade acadêmica informada sobre o avanço dos estudos na área jurídica.  

 

Para a publicação de trabalhos, os originais serão avaliados por especialistas (professores doutores) segundo o sistema de “duplo cego” (double blind peer review) e o parecer destes será referendado pelo Conselho Editorial com relação aos aspectos formais e, posteriormente, comunicado ao(s) autor(es). 

 

Portanto, o Conselho Editorial da Revista tem a incumbência de selecionar trabalhos com base nestas normas e zelar pelo respeito à linha editorial. Com efeito, também é responsável pelo encaminhamento aos pareceristas da área, cuidadosamente selecionados entre os melhores pesquisadores e professores desta comunidade científica no Brasil e exterior.

 

A entrega de originais para a Revista deverá obedecer aos seguintes critérios: 

 

- Os trabalhos enviados para avaliação deverão ser submetidos diretamente no sistema por meio do link:  http://revista.unisal.br/lo/index.php/direitoepaz/user/register e não  deverão conter a identificação dos autores, pois passarão pela avaliação do “duplo cego” recomendada pela CAPES e deverão estar em conformidade com as normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), além das regras específicas da Revista, anexa.

 

- Os trabalhos aprovados para publicação deverão conter, obrigatoriamente: título em português e em inglês; nome(s) do(s) autor(es), identificando em rodapé a qualificação e a instituição a que pertence(m); os artigos deverão conter, ainda, resumo em português (máximo cinco linhas) e abstract fiel ao resumo, acompanhados, respectivamente, de palavras-chave e key words.  

 

- Em folha anexa, informar o nome completo do(s) autor(es), titulação acadêmica, instituição, setor de trabalho, ocupação profissional, endereço completo para correspondência e e-mail.

 

- Os trabalhos deverão ser encaminhados dentro da seguinte formatação: uma cópia em  editor Word for Windows 6.0 ou superior; limite mínimo de quinze e máximo de vinte laudas para artigos (incluindo o resumo), dez laudas para comunicações e resenhas; a fonte utilizada deve ser Times New Roman, corpo 12.  

 

- Não fazer uso de maiúsculas ou destaques nos títulos. Solicita-se, também, que as citações, sejam feitas no corpo do texto, segundo as normas da ABNT e que as referências bibliográficas sejam escritas no final do texto. 

 

Eventuais ilustrações e tabelas, com respectivas legendas, devem ser apresentadas separadamente, com indicação, no texto, do lugar onde serão inseridas.  

 

Ao autor de artigo aprovado e publicado serão fornecidos, gratuitamente, dois exemplares do número correspondente da Revista, no caso de ser aprovada a sua versão impressa. 

 

A revista Direito & Paz reserva-se o direito autoral do trabalho publicado, inclusive os de tradução, permitindo, entretanto, a sua posterior reprodução como transcrição e com a devida citação da fonte. 

 

Os artigos representam o ponto de vista de seus autores e não a posição oficial da Revista ou do Centro Universitário Salesiano de São Paulo.   

 

 

Cordialmente,

Prof. Pablo Jiménez Serrano

Editor Responsável

 

Periodicidade

Semestral

 

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento.

 

Conselho Editorial

Presidente: Maria Aparecida Alkimin. Doutora em Direito. Coordenadora do Programa de Mestrado em Direito do Centro Universitário Salesiano de São Paulo (UNISAL).

 

Membros:

 

Angel Rafael Marinho Castellano. Doutorem Direito. Professor e pesquisador da UFES.

 

Antonio Lopez Diaz. Professor e Conselheiro Maior. Conselho de Contas de Galicia. Espanha.

 

Cleber Francisco Alves. Doutorem Direito.  Professor da Universidade Católica de Petrópolis - UCP

 

Consuelo Yatsuda Morimizato Yoshida. Doutoraem Direito. Professora e pesquisadora do Centro Universitário Salesiano de São Paulo (UNISAL).

 

Maria Ether Martínez Quinteiro.  Departamento de História Medieval, Moderna Y Contemporânea, Faculdad de Geografia e Historia, directora Del Centro de Estúdios de La mujer y especialista de reconocido prestigio en Derechos Humanos y ciudadanía. – USAL-Espanha.

 

Pilar Jiménez Tello.  Doutora em Direito.  Universidad de Salamanca
Unidad de Evaluación dela Calidad.  Área de Estúdios y Planificación. – USAL- Espanha.

 

Raúl Cervini. Catedrático de Direito Penal e Diretor do Departamento Penal da Universidade Católica do Uruguai – UCUDAL. Professor de Direito Penal da Universidade Mayor dela República - UDELAR. Secretário Geral para América Latina e Vice presidente do Conselho Consultivo Internacional do ICEPS.

 

Rosana Siqueira Bertucci. Doutoraem Direito. Professora da Faculdade Mato Grosso do Sul – FACSUL.

 

Soraya Lunardi. Doutoraem Direito. Coordenadora do Curso de Mestrado em Direito de Marília.

 

Missão e Objetivos

Direito & Paz, periódico do Programa de Pesquisa e Pós-Graduação do Centro Universitário Salesiano de São Paulo, está aberto à comunidade acadêmica nacional e internacional e destina-se à publicação de trabalhos que, pelo seu conteúdo, possam contribuir para a formação e o desenvolvimento científico, além da atualização do conhecimento na área específica dos direitos especiais.

DIREITO & PAZ tem por finalidade o debate e a divulgação dos conhecimentos produzidos pelo seu corpo docente, discentes e colaboradores de outras instituições, com vistas a abrir espaço para o intercâmbio de ideias, fomentar a produção científica e ampliar a participação acadêmica na comunidade.

São objetivos específicos da Revista:

a) divulgar trabalhos originais em Direito e áreas afins;

b) promover a criação e a divulgação de textos dos professores e alunos do Centro Universitário Salesiano de São Paulo – UNISAL e de outras Instituições de Ensino Superior do Brasil e do exterior;

b) propiciar o intercâmbio de informações entre profissionais, por meio da publicação de textos que se enquadrem nas Normas para Publicação de Trabalhos da Revista.

 

A chamada de artigos é feita por meio de Edital. A revista prioriza a publicação de trabalhos jurídicos inéditos, a saber: artigos, resenhas, ensaios, comentários de jurisprudência, transcrição de palestras, trabalhos de iniciação científica, resumos de trabalhos de graduação, trabalhos apresentados em eventos na área jurídica, entre outros.

 

Critérios de avaliação para aceitação ou rejeição dos trabalhos:

 

1- Os originais enviados serão avaliados, conforme sistema duplo cego (“doble blind peer review”), pelos Revisores e Pareceristas colaboradores, todos professores doutores, de forma anônima e o parecer destes será referendado pelo Conselho Editorial e comunicado ao autor (autores).

2- Na avaliação dos trabalhos, serão considerados os seguintes critérios: a) fundamentação teórica e conceitual; b) relevância, pertinência e atualidade do assunto; c) consistência metodológica e d) formulação em linguagem correta, clara e concisa.

3- Dependendo da avaliação realizada, os trabalhos recebidos poderão ser aceitos sem restrições, com alterações ou rejeitados.

4- A aceitação com alterações implicará que o autor se responsabilize pelas reformulações, as quais serão submetidas a outro revisor.

5- Havendo necessidade, poderão ser feitas pequenas modificações, de modo a obter-se a formatação homogênea dos textos, sem alteração de conteúdo, a critério dos Editores, na revisão final.

6- Os trabalhos recusados serão devolvidos.

7- Os revisores deverão incluir em seus pareceres sugestões cabíveis visando à melhoria de conteúdo e forma.

8- Os pareceres serão encaminhados aos autores pelo Editor Responsável, preservando o anonimato dos revisores, informando-os da aceitação sem restrição, da aceitação com modificações ou da rejeição do trabalho pelo Conselho Editorial.

9- Antes da publicação, o autor deverá encaminhar ao Conselho Editorial as seguintes declarações:

a) termo de Aceitação das Normas da Revista, declarando não ter apresentado o trabalho, na íntegra, em nenhum outro veículo de informação nacional ou internacional;

b) autorização ou declaração de direitos cedidos por terceiros, caso reproduza figuras, tabelas ou textos com mais de 200 vocábulos.

10- Cada autor terá direito a cinco exemplares do número da Revista em que seu trabalho for publicado.

11- Para publicação, os trabalhos deverão ter a aprovação de pelo menos dois (2) revisores e de um terceiro revisor, em caso de controvérsia.

12- Os colaboradores só poderão publicar um trabalho: artigo, síntese, ensaio etc, em um mesmo número da Revista por vez.

 

Reserva-se o Conselho Editorial o direito de vetar a publicação de matérias que não estejam de acordo com os objetivos da Revista. Os autores são responsáveis pelas matérias assinadas. É permitida a cópia (transcrição), desde que devidamente mencionada a fonte. 

 

Conselho Científico-técnico

Editor Responsável: Pablo Jiménez Serrano. Doutor em Direito, professor e pesquisador do Centro Universitário Salesiano de São Paulo (UNISAL).

 

Revisão Editorial

 

Ana Maria Viola de Sousa

 

Daisy Rafaela da Silva

 

Milena Zampieri Sellmann

 

Regina Vera Villas Bôas

 

Revisão da língua portuguesa: Marcilene Rodrigues Pereira Bueno

Mestre em Língua Portuguesa pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC/SP); Professora do Centro Universitário Salesiano de São Paulo (UNISAL)

 

Tradução: Larissa Schubert Nascimento

 

Administrador do Portal: Luiz Carlos dos Santos Júnior



Revista Direito & Paz