O RESGATE DA COR SOB AS MALHAS DA ESCRAVIDÃO BRASILEIRA: NOTAS A RESPEITO DA ADOÇÃO DE COTAS RACIAIS NO ÂMBITO DO ENSINO SUPERIOR NO BRASIL

  • Michelle Gironda Cabrera Pontifícia Universidade Católica do Paraná

Resumo

O presente trabalho, tomando por objeto a retomada da experiência vivida sob as malhas da escravidão brasileira, busca empreender uma análise a respeito da necessidade (desde sempre atual) de erradicação de todas as formas de preconceito e estigmatização racial que, por si só, colocam em xeque a implementação democrática do direito à igualdade e à identidade cultural, para, após, estabelecer os alicerces da necessidade de adoção de cotas raciais no âmbito do ensino superior do país.

Biografia do Autor

Michelle Gironda Cabrera, Pontifícia Universidade Católica do Paraná
Doutoranda em Direito Econômico e Desenvolvimento pela PUC/PR. Mestra em Direito Penal Econômico pelo Centro Universitário Curitiba.

Referências

ADORNO, Sérgio. Os aprendizes do poder. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1988.

Arquivo Público do Paraná. 1876. BR APPR PB 045 PI7374, Cx. 282.

BATISTA, Vera Malaguti. Difíceis ganhos fáceis: drogas e juventude pobre no Rio de Janeiro. 2ª ed. Rio de Janeiro: Editora Revan, 2003.

BERLIN, Isaiah. Cuantro ensayos sobre la libertad. Madrid: Alianza Editorial, 1998. (Título original: Four essays on liberty).

CHAUÍ, Marilena. Contra a servidão voluntária. Escritos de Marilena Chauí. Vol. 1. Org. Homero Santiago. Belo Horizonte: Autêntica Editora; São Paulo: Fundação Perseu Abramo, 2013.

CUNHA, Manuela Carneiro da. Sobre os silêncios da lei: lei costumeira e positiva nas alforrias de escravos no Brasil do século XIX. In: Cultura com aspas e outros ensaios. São Paulo: Cosac Naify, 2009.

DUARTE, Evandro Piza. Princípio da isonomia e critérios para a discriminação positiva nos Programas de ação afirmativa para negros (afrodescendentes) no ensino superior. In: Cotas raciais no ensino superior: entre o jurídico e político. Coord. Evandro Piza Duarte, Dora Lúcia de Lima Bertúlio e Paulo Vinícius Baptista da Silva. Curitiba: Juruá, 2012.

DUARTE, Evandro Piza e GUELFI, Wanirley Pedroso. Coras raciais, política identitária e reivindicação de direitos. In: Cotas raciais no ensino superior: entre o jurídico e político. Coord. Evandro Piza Duarte, Dora Lúcia de Lima Bertúlio e Paulo Vinícius Baptista da Silva. Curitiba: Juruá, 2012.

ENID. Mapeamento nacional da situação das Unidades de execução da medida socioeducativa de privação de liberdade ao adolescente em conflito com a lei. Brasília, IPEA/DCA-MJ, 2002. Mimeo.

FAORO, Raymundo. Os donos do poder: formação do patronato político brasileiro. 3ª ed. rio de Janeiro: Globo, 2001.

FOUCAULT, Michel. Em defesa da sociedade: curso no Collège de France (1975-1976). Trad. Maria Ermantina de Almeida Prado Galvão. São Paulo: Martins Fontes, 2010.

_________. História da sexualidade I: a vontade de saber. Trad. Maria Thereza da Costa Albuquerque e J.A. Guilhon Albuquerque. Rio de Janeiro/São Paulo: Paz e Terra, 2014.

FREYRE, Gilberto. China Tropical e outros escritos sobre a influência do Oriente na cultura luso- brasileira. Brasília: Editora da UnB, 2003.

FROMM, Erich. O medo à liberdade. 14ª ed. Rio de Janeiro: Zahar Editores, 1983, p. 35.

GOMES, Heloísa Toller. As marcas da escravidão: o negro e o discurso oitocentista no Brasil e nos Estados Unidos. Rio de Janeiro: Editora UFRJ, 1994.

GROSSI, Paolo. Mitologias jurídicas da modernidade. Florianópolis: Fundação Boiteux, 2007.

HELLER, Agnès. A Theory of Modernity. Blackwell: Malden, Mass. and Oxford, 1999.

HOLANDA, Sérgio Buarque de. Raízes do Brasil. Rio de Janeiro: J. Olympio, 1982.

HOSHINO, Thiago de Azevedo Pinheiro. Entre o espírito da lei e o espírito do século: a urdidura de uma cultura jurídica da liberdade nas malhas da escravidão (Curitiba, 1868-1888). Dissertação do Programa de Pós-graduação em Direito da Universidade Federal do Paraná. 2013.

KOERNER, Andrei. Judiciário e cidadania na Constituição da República Brasileira (1841-1920). Curitiba: Juruá, 2010.

KURZ, Robert. Razão sangrenta: ensaios sobre a crítica emancipatória da modernidade capitalista e de seus valores ocidentais. Trad. Fernando R. de Moraes Barros. São Paulo: Hedra, 2010, p. 130.

LIMA, Henrique Espada. Sob o domínio da precariedade : escravidão e os significados da liberdade de trabalho no século XIX. In: TOPOI, v. 6, n. 11, jul.-dez., 2005.

MALHEIRO, Agostinho Marques Perdigão. A escravidão no Brasil: ensaio histórico-jurídico-social. Parte 1 (Direito sobre os escravos e libertos). Rio de Janeiro: Typographia Nacional, 1866.

MENEGAT, Marildo. Estudos sobre ruínas. Rio de Janeiro: Revan, Instituto Carioca de Criminologia, 2012.

MALHEIRO, Agostinho Marques Perdigão. A escravidão no Brasil: ensaio histórico-jurídico-social. Parte 1 (Direito sobre os escravos e libertos). Rio de Janeiro: Typographia Nacional, 1866.

PIOVESAN, Flávia. Ações afirmativas sob a perspectiva dos direitos humanos. In: Cotas raciais no ensino superior: entre o jurídico e político. Coord. Evandro Piza Duarte, Dora Lúcia de Lima Bertúlio e Paulo Vinícius Baptista da Silva. Curitiba: Juruá, 2012.

PASSETTI, Edson. Fascismos, pequenos fascismo, ou como designar isso que vivemos na sociedade de controle? In: Depois do grande encarceramento. Org. Pedro Vieira Abramovay e Vera Malaguti Batista. Rio de Janeiro: Editora Revan, 2010.

PRADO JR., Caio. Formação do Brasil contemporâneo. São Paulo: Brasiliense, 1976.

________. Evolução política do Brasil: Colônia e Império. São Paulo: Brasiliense, 1988.

SANTOS, Boaventura de Sousa. Introdução: para ampliar o cânone do reconhecimento, da diferença e da igualdade. In: Reconhecer para libertar: os caminhos do cosmopolitanismo multicultural. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2003.

SILVA, Paulo Vinícius Baptista da Silva. Políticas de democratização de acesso na Universidade Federal do Paraná. In: Cotas raciais no ensino superior: entre o jurídico e político. Coord. Evandro Piza Duarte, Dora Lúcia de Lima Bertúlio e Paulo Vinícius Baptista da Silva. Curitiba: Juruá, 2012.

WACQUANT, Loïc. As duas faces do

Publicado
30/07/2018
Seção
PUBLICAÇÕES